Canoinhas Online

Blog oficial de Canoinhas-SC

Meu pior Natal…e Ano Novo

leave a comment »

Há muitos anos realizo um ritual, o de passar o Natal e o Ano Novo, na casa da minha filha.
Sempre me supro de alguma grana, mas neste ano deixei de fazê-lo, com a certeza de que receberia todo o meu salário até o dia 20 de dezembro. Contava….Esperava….
Adquiri antecipadamente minhas passagens de ida e volta, para Bal. Camboriú. Tendo que comprar alguns remédios necessários, de uso contínuo, gastei uma parte do que tinha. Mas, minha maior surpresa ocorreu quando fui chamado a receber. Apenas cerca de um terço do que tinha direito e contava também.
Fui forçado a cancelar tudo. Liguei pra minha filha e lamentei não poder ir. Parecia uma situação normal, mas não foi, pois tive uma crise de nervos que me deixou com o corpo dolorido por uns dois dias.
Então, na véspera fui à casa do meu irmão (segunda hipótese natalina), onde participei de uma boa janta, porque não é hábito realizar a ceia, e depois fomos assistir a alguns filmes pela SKY.
Deixei de fumar há muitos anos, e hoje não suporto o cheiro de cigarro e logicamente, a fumaça, que me causa irritações nos olhos. Além, de lacrimejarem constantemente. Um sofrimento, e não queria ser indelicado e pedir para não fumar. Como ex-fumante, hoje sei como sofre uma pessoa que não fuma.
No dia 25, Natal, tive que voltar para o meu canto, pois trabalharia bem cedo, além de ter que antecipar o serviço.
Durante a noite do Natal, nada mais tendo a fazer, passei a bater-papo com duas amigas pelo MSN que se prolongou até o início da madrugada.
Mas tudo que ocorreu tinha algo de tristeza no ar. Embora tivesse rido muitas vezes, não tinha o mesmo sentido de normalidade. No sábado, sem ter o que fazer, decidi escrever alguns detalhes do meu fabuloso Natal, proporcionado por aqueles a quem me dedico o ano inteiro e que não souberam corresponder aos meus anseios, até parece que por inveja, pois a cidade onde minha filha mora é uma das mais badaladas e conhecidas do país, como balneário. A culpa seria minha? Não, com toda certeza.
Agora antevejo o domingo e depois a passagem de ano. Ano Novo, ano de 2009 e que também não poderei ir. Poderia emprestar dinheiro do meu pai, mas senti-me tão sem jeito, que não o farei.
Ah, e antes de tudo me convocaram para trabalhar no domingo, porque quem deveria fazê-lo simplesmente alegou que não poderia estar presente, uma vez que viajara.
Já estou imaginando que isto é uma forma de pressão, pois neste mês completei meus 60anos, e acredito que já estou sendo dispensável. É o que vêm fazendo ultimamente. Enquanto os jovens fogem do trabalho, o velho tem que fazê-lo.Mas pode ser dispensável. De dispensa mesmo…
Desculpem o desabafo, mas achei que seria bom escrever o que estou pensando, como forma de mostrar que não estou me sentido bem. Parece que os problemas só ocorrem com os outros, para a gente não…Devem estar felizes pelo ato. Impediram o “velho” de viajar.
Tudo tem resposta no seu devido tempo. Não sou vingativo, apenas tomarei providências para que estas atitudes possam ser corrigidas.

Written by antowil

27 de dezembro de 2008 at 7:34 pm

Publicado em Uncategorized

Tagged with

Pense como será se eu mudar

leave a comment »

Normalmente ficamos pensando nos problemas em vez de pensar no que acontecerá se mudarmos, precisamos nos dar a oportunidade de mudar e para isso, precisamos somente dar o primeiro passo, tomar a primeira decisão.A decisão da mudança é o que faz mover as coisas. Eu decidi mudar e estou mudando a cada dia, não sinto dor, medo ou até preguiça, sabe por quê? Porque eu penso exatamente no que será depois da mudança, deixe-me de lhe dar um exemplo:- Penso, como que será quando eu tiver uns 85 kg?A resposta que vem na minha cabeça é que ficarei mais bonito, me sentirei melhor, serei mais atraente, viverei mais. Coisas como dores nas juntas, colesterol, etc., vão desaparecer e sei que até sexualmente será bem melhor. Então, decidi ser esse novo Wilson e com isso, já se passaram várias semanas e aumentei mais 14kg, agora estou com 99 kg.- Penso, como que será se eu mudar minhas atitudes como homem?A resposta vem rapidamente, que nunca o meu casamento teria terminado e estaria super feliz agora, então, tenho ficado atento a todos os erros que cometi, a todas as mensagens que a vida me passa e principalmente, sempre relembrando o que aconteceu. Com isso, hoje sou um cara totalmente diferente, não atraso, me sinto bem sempre perfumado e arrumado, faço até a barba todos os dias. Tudo isso porque em vez de ficar reclamando de que eu teria que fazer, penso no resultado, e o resultado é muito bom.Precisamos sempre fazer isso, focar no resultado, no que vamos obter com a mudança… devemos esquecer do que teremos que passar durante o processo.Foque no resultado, foque na emoção e sensação de como que será depois da mudança… sinta, viva… faça isso.

Written by antowil

29 de dezembro de 2008 at 1:17 pm

Publicado em Uncategorized

Dados do empreendimento da Aurora em Canoinhas

leave a comment »

Esta matéria foi publicada em 5 de dezembro de 2007, portanto já fazendo seu primeiro aniversário. Agora em Janeiro uma reunião do grupo CooperAlfa, poderá mudar todo o destino da empresa a ser instalada.

Chapecó – Mais de 1.500 pessoas participarão de ato público programado para às 11 horas desta quinta-feira, no salão comunitário da Igreja Matriz de Canoinhas, destinado à assinatura de protocolo entre o Estado, o Município e a Coopercentral Aurora.

O protocolo é para construção da futura indústria de processamento de aves do Planalto Norte catarinense. O documento será assinado pelo governador Luiz Henrique da Silveira, pelo prefeito Leoberto Weinert e pelo presidente da Coopercentral Mário Lanznaster, estabelecendo os incentivos fiscais e materiais que as duas esferas da administração pública concederão ao empreendimento. Ao ato participará também o diretor administrativo e financeiro da Aurora, Neivor Canton, presidente da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc).
Na solenidade, a Prefeitura de Canoinhas fará a entrega da escritura de doação do imóvel com 93,3 hectares localizado junto à rodovia SCT-280, km 243, na localidade de Barreiros, onde será construído o abatedouro e a fábrica de rações. Também será doado outro imóvel, com 45 hectares, para instalação do incubatório, distante dez quilômetros do abatedouro. De posse das escrituras, a Aurora requererá, de imediato, as licenças ambientais para iniciar a terraplenagem e, em seguida, as edificações.  
O protocolo que será assinado nesta quinta-feira formalizará a concessão dos benefícios e incentivos por parte do Poder Público para a instalação da indústria de Canoinhas. em raio de 60 quilômetros. 
O COMPLEXO
A indústria de processamento de aves exigirá cerca de R$ 427 milhões de reais em investimentos diretos, na forma de recursos próprios e financiados pelo BNDES: R$ 300 milhões para a obra física e R$ 127 milhões em capital de giro. O complexo avícola incluirá a indústria, o incubatório, as granjas-matrizes e a fábrica de rações. O consumo médio de energia elétrica está estimado em 6.560 KW por mês. Após iniciada, a execução da obra exigirá 18 meses de trabalho para a conclusão. 
A futura indústria abaterá 300.000 aves por dia e gerará 4.994 empregos diretos, sendo 3.360 postos de trabalho no frigorífico e 1.634 empregos nas demais atividades (transporte, matrizeiros, aviários e terceirizados). A Coopercentral Aurora não revelou a projeção de faturamento, mas antecipou que cada unidade gerará movimento econômico da ordem de R$ 1 bilhão de reais por ano. 
         DADOS DO EMPREENDIMENTO
Empresa: Cooperativa Central Oeste Catarinense – Coopercentral Aurora (Aurora Alimentos)
Empreendimento: nova unidade industrial de abate e processamento de aves.
Locais: Canoinhas (Planalto Norte de SC)
Início das obras: imediato
Investimento: R$ 300 milhões em obras e R$ 127 milhões em capital de giro.
Origem do capital financeiro a ser investido: recursos próprios e linhas de financiamento do BNDES.
Complexo avícola: abatedouro/indústria, incubatórios, granjas-matrizes e fábrica de rações. 
Prazo de execução: 18 meses.
Áreas de terras: 93,3 hectares para abatedouro e fábrica de rações e 45 hectares para incubatório
Volume de abate diário: 300 mil aves.
Volume de abate mensal: 6 milhões e 300 mil aves.
Geração de empregos diretos: 4.994 empregos diretos.
Produtos industrializados: 11.400 toneladas por mês.
Consumo de energia: 6.560 KW por mês.
Faturamento anual: não revelado.
Base produtiva: 1.000 aviários em raio de 60 km
Movimento econômico regional: R$ 1 bilhão de reais por ano.
Benefícios e incentivos por parte do Poder Público: incentivos fiscais (isenções e imunidades) e incentivos materiais (terreno, terraplenagem, acesso, asfaltamento, rede de energia etc.).
Regiões que disputavam os empreendimentos: Mato Grosso do Sul (Campo Grande), Paraná (Clevelândia), Planalto Norte catarinense (Canoinhas) e Rio Grande do Sul (Carazinho).
Vantagens estratégicas: existência de base produtiva de grãos e de aves, oferta de água, oferta de terrenos, a proximidade com portos e centros de consumo, infra-estrutura regional e disponibilidade de mão-de-obra.

Written by antowil

27 de dezembro de 2008 at 5:28 pm

FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO

leave a comment »

Alguém observou que cada vez mais o ano se compõe de 10 meses; imperfeitamente embora, o resto é Natal. É possível que, com o tempo, essa divisão se inverta: 10 meses de Natal e 2 meses de ano vulgarmente dito. E não parece absurdo imaginar que, pelo desenvolvimento da linha, e pela melhoria do homem, o ano inteiro se converta em Natal, abolindo-se a era civil, com suas obrigações enfadonhas ou malignas. Será bom.
Então nos amaremos e nos desejaremos felicidades ininterruptamente, de manhã à noite, de uma rua a outra, de continente a continente, de cortina de ferro à cortina de nylon — sem cortinas. Governo e oposição, neutros, super e subdesenvolvidos, marcianos, bichos, plantas entrarão em regime de fraternidade. Os objetos se impregnarão de espírito natalino, e veremos o desenho animado, reino da crueldade, transposto para o reino do amor: a máquina de lavar roupa abraçada ao flamboyant, núpcias da flauta e do ovo, a betoneira com o sagüi ou com o vestido de baile. E o supra-realismo, justificado espiritualmente, será uma chave para o mundo.
Completado o ciclo histórico, os bens serão repartidos por si mesmos entre nossos irmãos, isto é, com todos os viventes e elementos da terra, água, ar e alma. Não haverá mais cartas de cobrança, de descompostura nem de suicídio. O correio só transportará correspondência gentil, de preferência postais de Chagall, em que noivos e burrinhos circulam na atmosfera, pastando flores; toda pintura, inclusive o borrão, estará a serviço do entendimento afetuoso. A crítica de arte se dissolverá jovialmente, a menos que prefira tomar a forma de um sininho cristalino, a badalar sem erudição nem pretensão, celebrando o Advento.
A poesia escrita se identificará com o perfume das moitas antes do amanhecer, despojando-se do uso do som. Para que livros? Perguntará um anjo e, sorrindo, mostrará a terra impressa com as tintas do sol e das galáxias, aberta à maneira de um livro.
A música permanecerá a mesma, tal qual Palestrina e Mozart a deixaram; equívocos e divertimentos musicais serão arquivados, sem humilhação para ninguém.
Com economia para os povos desaparecerão suavemente classes armadas e semi-armadas, repartições arrecadadoras, polícia e fiscais de toda espécie. Uma palavra será descoberta no dicionário: PAZ.
O trabalho deixará de ser imposição para constituir o sentido natural da vida, sob a jurisdição desses incansáveis trabalhadores, que são os lírios do campo. Salário de cada um: a alegria que tiver merecido. Nem juntas de conciliação nem tribunais de justiça, pois tudo estará conciliado na ordem do amor.
Todo mundo se rirá do dinheiro e das arcas que o guardavam, e que passarão a depósito de doces, para visitas. Haverá dois jardins para cada habitante, um exterior, outro interior, comunicando-se por um atalho invisível.
A morte não será procurada nem esquivada, e o homem compreenderá a existência da noite, como já compreendera a da manhã.
O mundo será administrado exclusivamente pelas crianças, e elas farão o que bem entenderem das restantes instituições caducas, a Universidade inclusive.

E será Natal para sempre.

Ah! Seria ótimo se os sonhos do poeta se transformassem em realidade!

DESEJO A TODOS OS AMIGOS UM FELIZ NATAL E UM PROSPERO 2009

Written by antowil

23 de dezembro de 2008 at 2:58 pm

Publicado em Uncategorized

Novos prefeitos do Planalto Norte deverão implantar o TBC

leave a comment »


“Novos prefeitos terão o grande desafio de alavancar o desenvolvimento do planalto norte catarinense, hoje é a região mais pobre de SC, possui os piores indicadores de desenvolvimento e qualidade de vida. A região encontra-se a décadas estagnada, não cresce. sua economia viveu e vive ainda do extrativismo ( exploração dos recursos naturais como madeira, lenha e erva mate ). Enquanto as outras regiões de SC cresceram a taxas próximas de 10%, o planalto norte ficou estagnado.
É preciso que os prefeitos eleitos escolham a melhor equipe para buscar esse desenvolvimento, escolhendo um secretariado competente, deixando a politicagem de lado, nomeando para os cargos os melhores técnicos do município para cada área, usando o critério técnico e competência. Para saúde o melhor médico, para agricultura o melhor agrônomo ou veterinário e assim por diante.
É preciso priorizar o desenvolvimento e implantar o TBC ( tirar a bunda da cadeira ), viajar, buscar novas empresas, mostrar as nossas potencialidades oferecendo incentivos e infra-estrutura para essas empresas instalarem-se em nossa cidade.”

Recebo com muita alegria emails de pessoas preocupadas com a nossa região este não é diferete. Fui autorizado a publicar seu texto. Deixo de citar o nome, mas se houver necessidade posso fazê-lo, pois estou apenas preservando-o de algum inconveniente.
Eu só tenho a agradecer a gentileza desta pessoa, enviando-me aspectos de todo o Planalto Norte. Alguns a gente já tinha pleno conhecimento e inclusive na coluna do jornal e mesmo em outro blog já haviamos comentado.
Embora tenhamos o I.D.H.mais baixo do estado, nem por isso queremos ficar estagnados. Queremos desenvolvimento o mais breve possível.

Written by antowil

22 de dezembro de 2008 at 5:46 pm

Publicado em Uncategorized

Acabaram com a farra dos vereadores

leave a comment »

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez críticas nesta sexta-feira (18), durante um café da manhã com jornalistas, a Proposta de Emenda Constitucional que aumenta o número de vereadores nas câmaras municipais. A PEC foi aprovada pelo Senado, mas a Câmara impediu a promulgação da medida.
“Não são 7 mil vereadores a mais que vão resolver os problemas das cidades”, disse o presidente.
Lula destacou que não tem como interferir na decisão do Congresso sobre o tema, mas disse ser “desnecessário” o aumento de vagas.
Crise
O presidente também disse que o governo deve tomar novas medidas contra a crise financeira internacional ainda neste ano. Ele não quis adiantar quais seriam as ações do governo, mas relatou que os setores que mais preocupam o governo são a construção civil, a agricultura, o automobilístico e o de pequenas e médias empresas.
Mas, voltando aos vereadores,aqui eles ganham mais de R$ 5 mil por mês, sem contar outros benefícios.É justo?

Written by antowil

20 de dezembro de 2008 at 12:41 am

Publicado em Uncategorized

Ecografia da minha futura neta Duda…

leave a comment »

Written by antowil

18 de dezembro de 2008 at 11:47 pm

Publicado em Uncategorized

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.